Tão simples e tão profundo…

Este é um ásana delicioso e muito benéfico na prática do yôga.

Grau de Dificuldade = 0

Este ásana quebra a rigidez de nossa postura quotidiana, nos remete ao acolhimento do ventre materno e desperta em nós uma atitude devocional, de reverência. Primeiro à figura materna amorosa, seguida da reverência à divindade que está em tudo e em todos.

De simples execução este ásana pode e deve ser praticada em qualquer momento de sua prática de yôga, especialmente após ásanas mais intensos e em qualquer momento do nosso dia.
Já imaginou o efeito de uma pequena pausa durante o dia tenso, para curvar-se, relaxar-se e renovar-se?

BENEFÍCIOS = Muitos!

Intensa massagem nos órgãos internos
Relaxamento de todo o corpo
Ativação do sistema parassimpático
Fortalecimento dos quadris, atuando também em APANA VAYU a energia de purificação e desintoxicação do organismo.
Alivia o stress
Estimula a circulação sanguinea
Favorece significativamente a concentração.

Quem não tem tempo para encontrar bem estar e fazer um caminho saudável entre mente e corpo ?

Estima-se que a maior parte dos adolescentes e jovens adultos passa em média 3 horas em frente ao ecran do telemóvel. Como estarão daqui a 20 anos ?

Balasana

Comments are closed.